Blog Harpyja

Como escolher um secador de cabelos?

( 7 )

Como escolher um secador de cabelos?

Faz meses que estamos estudando secadores de cabelos. Já conversamos com vários profissionais da área e também com empresas que desenvolvem esses tipos de produtos. A intenção inicial era rapidamente partir para as avaliações de secadores, porém assim que mergulhamos nesse universo ficou claro de que esse trabalho não iria ser tão simples.

A complexidade não se dá pelo produto em si, e sim pela forma como o produto é usado por cada um. Há muita particularidade no processo de secagem de cabelos e para botar na balança na hora de dar as notas, fica complicado dizer o que é melhor ou pior de forma generalizada. O que é bom para uma pessoa muitas vezes é insignificante para outra.

Estamos vivendo uma transição nos cuidados dos cabelos desde a pandemia. Para muitas pessoas que não tinham o hábito de ajeitar seu próprio cabelo, foi uma grande adaptação durante o período de lockdown. Teve gente que abandonou a escova, deixou de pintar os fios, caminhando para um cabelo mais natural. Para quem conseguiu se acostumar com a mudança, pode ser que esse novo estilo de cabelo seja sua preferência para o futuro.  

Lembre, Você é o Foco!

Quando escolhendo um secador de cabelos, não há nada mais importante do que pensar no seu cabelo, na sua rotina e no seu objetivo. Não adianta nada pegar um secador extremamente potente com a maior força de vento e um concentrador ótimo, mas possuir um cabelo crespo e buscar ter cachos definidos. O secador ideal nesse caso está longe da configuração típica dos secadores que vendem no mercado. 

Há muitas variáveis para um cabelo: espessura, cor, densidade e também os diversos estágios de liso até crespo. Por sinal tem uma tabela meio global para tentar ajudar a entender o seu cabelo predominante variando de 1A até 4C. 


Além disso, cada um pode ter o cabelo em um comprimento diferente, sendo o peso do produto também outra variável. Sendo assim, comece buscando entender qual é o seu tipo exato de cabelo e baseado nisso veja o que se aplica melhor para ele, levando em conta seu gosto. Em muitos casos o secador é somente uma ferramenta para ser combinado com a chapinha, o curler, a escova ou algo diferente. 

Isso facilitará decidir se quer velocidade alta, temperatura alta, muito fluxo, pouco vento, temperaturas baixas ou até mesmo um produto com alta capacidade de ionização.

Alguns pontos que vale ter em mente quando buscando um secador:

  • - Ruído baixo é algo importante! Por mais que seja algo que possa não te incomodar, são produtos com amplitude sonora alta e a exposição longa a esse tipo de ruído próximo de seu ouvido não é saudável. 
  • - Secando cabelo de crianças: Se o foco é secar o cabelo de seus filhos, a versatilidade é importante. Velocidades baixas e temperaturas mais amenas são muito utilizadas para não agredir ou incomodar os pequenos. Cabelos de bebês e crianças são mais finos, e muitas vezes são mais delicados. O ruído também impacta muito aqui. Crianças podem ter mais paciência na secagem quando o secador não é extremamente turbulento e agressivo. Grande fluxo com menos vento é um caminho interessante. 
  • - Alisar o cabelo: Esse é um dos hábitos mais comuns com os cabelos, independente do tipo do cabelo que a pessoa tem. Alguns dizem: “alisa ele pois assim não tem erro”. Para os adeptos do cabelo alisado a qualidade do concentrador é primordial. Ele tem que prender bem, não pode cair facilmente. Quanto mais direcionado e largo, maior a área de cobertura. Calor é importante, mas calor demais pode até ser perigoso. Alisar o seu próprio cabelo exige prática para movimentar a escova de forma ritmada. Parar no meio do caminho com um secador que atinge mais de 100°C no bico pode danificar o cabelo.


  • - Definir os cachos: Neste caso o caminho é muito diferente de alisar. Nada de muito vento, nada de concentrador. Aqui vale buscar um bom difusor com boa regulagem de vento. Um secador com grande volume de ar e pouco vento pode ser uma alternativa interessante para acelerar o processo de secagem sem comprometer os cachos.


Essa lista se conversar com um profissional de beleza será gigante. Mas é bom também lembrar que o profissional lida grande parte do tempo secando o cabelo de outras pessoas. Sendo assim, muitas vezes seus requisitos são outros. Um profissional precisa de algo que seja leve para usar o dia inteiro, que tenha potência e flexibilidade para atender a gama diversa de cabelos que aparecem em sua cadeira. 

Quando está escolhendo algo para você lembre que normalmente estará fazendo seu próprio cabelo e muitas vezes em ambientes menores. Isso impacta não só na ergonomia, mas também na questão de ruído. 

Métricas para Escolher

Nas avaliações da Harpyja tratamos diversos cabelos para secar livre e com escova. Também levantamos muitos dados como velocidade, fluxo, ruído e calor do vento em diversas distâncias. Essas métricas são úteis para entenderem o que um secador entrega. 

Mas e a potência?

Potência

Apesar de ser uma das principais métricas que os consumidores usam para escolher secadores, vale tentar se desprender um pouco do número em si. Sim, a potência reflete diretamente na resistência que tem dentro do produto, mas não necessariamente quer dizer que um produto é melhor que outro. Há vários outros elementos que auxiliam um vento quente direcionado. Secadores mal projetados podem perder muito do seu calor para o corpo sem conseguir transferir para os fios efetivamente. 

Além disso, secadores com potência excessiva podem até ser perigosos para a fiação de sua casa. 

Tem até um secador que teremos que testar um dia somente para ver o que acontece ao ligá-lo. O produto é declarado com 9000W!!! Isso é o equivalente a quase dois chuveiros elétricos ligados juntos. Uma secadora de roupas para secar 17 quilos usa pouco acima de 5000W. O que leva alguém a produzir um secador que pode derrubar o disjuntor de sua casa é uma incógnita que ainda não conseguimos resolver. 

Resumindo

Já testamos vários secadores de cabelos e há muitas diferenças na entrega de cada produto. Estaremos trazendo os dados técnicos dos resultados e experimentos práticos com vários tipos de cabelos diferentes. Agora, para que você possa decidir se um secador é bom ou não é de extrema importância que você saiba o que seu cabelo precisa para que seja possível colocá-lo na condição que você gosta. Isso facilitará entender as avaliações dos secadores que a Harpyja testa e claro, te facilitará a escolha.


Avalie este texto:

Compartilhe este material:

        




Sobre o autor

Cirilo Cavalli é um engenheiro detalhista e criterioso. Passou mais de 10 anos desenvolvendo tecnologias e testes para eletrodomésticos ao redor do globo. Ele possui grande paixão pelo que faz e se preocupa em sempre trazer informação clara e útil utilizando dados para auxiliar seus leitores a tomarem as decisões mais adquadas para os produtos que buscam.

Quer receber nossa newsletter?